Blog

29/08/2018

Dia em que me senti viva por Daniela Braga

Fala corredor, Relatos

No dia 17 de julho de 2017, iniciei a minha trajetória no mundo da corrida graças a um programa de incentivo à atividade física que a empresa onde eu trabalho oferece aos seus colaboradores.

Tinha como objetivo apenas perder peso, porque nunca me imaginei chegar tão longe.

A princípio correr 300 metros sem parar era tarefa praticamente impossível para mim.

E no dia em que corri 1km contínuo, esse momento ficou na minha memória e acredito que nunca mais vou esquecer.

Me senti a pessoa mais feliz do mundo! Superei meus próprios limites.

Correndo desenvolvi minha autoestima, ganhei mais consciência corporal e fiz novos amigos.

Além disso, agreguei novas formas de atividade física à minha rotina, como a musculação, e passei por um processo de reeducação alimentar que melhorou muito a minha qualidade de vida.

 

O desafio

Há 4 anos na época da festa de Nossa Senhora Abadia faço caminhando um percurso de 22km com destino a igreja, como forma de agradecer todas as bênçãos recebidas.

Em fevereiro desse ano conversei com meu treinador que gostaria de fazer esse mesmo percurso correndo.

Eu sabia que seria difícil, por ser em estrada de terra, muitas subidas, pedras, buracos enfim… muito desafiador.

De cara meu treinador embarcou nessa comigo e fomos em busca desse dia que escolhi ser na data do meu aniversário para ser mais emocionante ainda – 10 de agosto.

 

A preparação

Durante a preparação, não nego, foi difícil.

Treinei com sono, com frio, cansada, desanimada, na chuva, no sol.

Apareceram durante esse tempo vários obstáculos e adversidades que muitas vezes eu pensava: tudo está conspirando contra, eu não vou conseguir. Mas não desisti, continuei.

Na reta final da preparação, fiz um treino longo de 21km correndo sozinha, saindo da cidade de Patos de Minas até a cidade de Presidente Olegário e cheguei a ser chamada de doida por algumas pessoas, (risos) mas foi lindo, chorei literalmente de emoção neste dia.

Chegou 10 de agosto dia do grande desafio, eu estava preparada, fui curtindo cada km, lembrando fases boas e ruins que já passei, agradecendo a Deus e Nossa Senhora Abadia por tudo e principalmente pela minha saúde.

Foi o dia que mais me senti VIVA em toda minha vida.

 

Sentimentos

Toda essa conquista e preparação eu poderia resumir em apenas uma palavra: EMOÇÃO.

Corrida para mim é libertação. É colocar a adrenalina no topo. Toda minha força em cada pisada.

É direcionar todos os pensamentos no objetivo.

É deixar pingar gotas de suor ou de choro, afinal, elas se misturam enquanto vamos em direção a nossa meta.

Sei que os resultados dependem apenas de mim, da minha dedicação e persistência.

Mas sem a assessoria da BHRace, eu não conseguiria.

Obrigada treinador Sidnei Silva, através do seu treinamento descobri que existe em mim uma força inimaginável.

Com o seu suporte sei que posso sonhar com novos desafios.

Porque vou conseguir lutar por eles e que a minha mente dará a energia que o meu corpo precisa.

Ah, sabe aqueles quilinhos que eu disse no início que queria perder?

Eu perdi por consequência dos treinos, mas a satisfação maior que sinto foi ter saído da zona de conforto.

E hoje após aqueles 300 metros e um ano de treinamento, já percorri 890km, com muito ORGULHO!

Tudo isso me traz a certeza de que não poderia ter escolhido melhor, tanto o esporte quanto a assessoria esportiva.

 

Daniela Braga

Compartilhe:

Vamos Treinar?

Conheça o treinamento online BHRace. Corra onde e quando quiser, com orientação profissional.


Deixe seu email e receba nossa news