Blog

12/04/2010

BH RACE NO HIMALAIA – PARTE 3

Relatos, Roteiros e viagens
 
Oi pessoal,
Estou voltando da viagem sonhada ao Everest, era um sonho antigo como alguns de voces sabem. E acabou sendo realizado, muito tambem gracas a voces, muito obrigado.

Foram muitas as dificuldades no caminho do trekking – caminhar todos os dias com mochila e bastoes por ate 10 horas, colegas de quarto roncadores (ate andei dormindo em corredores para escapar do barulho), comida condimentada, frio, falta de oxigenio em maiores altitudes, momentos de solidao misturados com a saudade, complicacao da agua (pouca e contaminada) do Nepal, o constante arrumar-desarrumar dos duffle bags quase a cada dia, a complicacao do banho (frio, longe do quarto, rapido, lugar apertado).

Mas tudo isso fica pequeno com as experiencias que pude viver nestes dias no Himalaia. As visoes espetaculares da cordilheira e suas inumeras montanhas nevadas, o aprendizado do montanhismo-alpinismo ao caminhar-respirar-meditar, as trocas de experiencias com os guias Manoel-Andrea e os sherpas Nima-Dorzi-Nara-Rimdi-Nigma-Ham, conhecer alguns templos budistas (e hindus) muito calmos e que inspiram paz e equilibrio, a superacao de desafios nas escaladas ao Khune Peak (4.200 m), Chukkung Ri (5.400 m), Kala Phattar (5.500 m, muito duro) e o Everest Base Camp (5.350 m, lindo conhecer a geleira base de partida para os alpinistas do Everest, as suas barracas), alem do bonito campo base da linda montanha Ama Dablan (nao me lembro agora da altitude, acima de 5.000 m), o momento de paz no memorial dos sherpas (um lugar especial, de fato) a convivencia com alguns colegas especiais de trekking, a nevasca no momento da chegada ao monasterio de Tingboche, os voos Kathmandu-Lukla (em pequeno aviao) e Lukla-Kathmandu (de helicoptero) e a visao privilegiada do Himalaia…

A camisa da BH RACE foi fotografada nestas escaladas, assim que der envio para o BH RACE PELO MUNDO.

A volta rapida pela India mostrou um pais que continuo nao compreendendo bem – a beleza de Agra e os seus palacios dentre eles o lindo Taj Mahal, os artistas em trabalhos manuais com marmores-pedras, tapetes e joias – mas, ao mesmo tempo, a imensa pobreza, desorganizacao, sujeira, escuridao de suas noites, o excesso de pessoas por todo lado, o barulho infernal.

Mas o Taj Mahal de alguma maneira compensa boa parte desta confusao, tambem pelo excelente dia passado junto com o motorista-guia do tuk-tuk, o Munna. Um cara calmo e equilibrado, no meio da bagunca, se isso e possivel.

Fisicamente, o trekking foi de aproximadamente 120m km, uma media de 10 km por dia, com aclives e declives de ate 1.000m nas rotas de yaks, muito duro acima de 4.000m de altitude, desumano acima de 5.000m de altitude, especialmente se combinado com o frio e o vento. Mas da pra fazer, sem duvida, acabei sendo dos poucos do grupo a fazer todos os programas previstos, inclusive os alternativos.  Obrigado especialmente ao Iuri e a Joana!

E isto, de novo o meu muito obrigado pela ajuda na realizacao deste meu sonho da ida ao campo base do Everest.

Valeu!

Obs: Teclado sem acentuacao adequada ao portugues

  

Abracos.

Claudio. 

claudio.souza@arcelormittal.com.br

Compartilhe:

Receber comentários por email
Avise-me de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Blog BH Race
Blog BH Race
10 anos atrás

Grande Claudio!!! Parabéns pela sua luta e disciplina para vencer esse grande desafio… Tenho certeza que cada gota de suor foi recompensada pelas inúmeras experiencias maravilhosas vivenciadas!

Forte abraço desse seu treinador emocionado.

Iuri

Annette Loures
Annette Loures
10 anos atrás

Nossa Claudio!! Pude sentir a emoção brotando em suas palavras!! Mil parabéns por todo esforço e dedicação!
As boas experiências vividas marcarão para sempre seu caminhar!
Um abraço muito apertado a você!
Annette.

Eugenia
Eugenia
10 anos atrás

Parabéns, Claudio!!!!! Pela disciplina, determinação e pelo grande feito! 🙂

Sua conquista é inspiração para todos os verdinhos!!

abs,
Guga

Leticia Martini
Leticia Martini
10 anos atrás

Claudio, você é incrível, olhando assim você até parece igual a todos nós, mas por dentro você “é muito louco!!!!!”.
Tô morrendo de inveja (boa) desta sua loucura!
PARABÉNS!

nathymiranda10
nathymiranda10
10 anos atrás

Claudio, parabéns por vencer este desafio! Com certeza os méritos são seus! Aguardo o seu retorno no funcional! Quero saber de todos os detalhes da viagem! Abraços,
Joana

Vamos Treinar?

Conheça o treinamento online BHRace. Corra onde e quando quiser, com orientação profissional.